Você sabe qual é a relevância de uma gestão de frota eficiente dentro do seu negócio? Muitas vezes, essa não é a atividade fim da empresa e, por isso, acaba ficando em segundo plano. 

Ao ler este artigo, você vai entender o que é gestão de frota, quais são os seus principais desafios e como implementá-la em sua empresa. Veja nos tópicos seguintes.

O que é gestão de frota?

A gestão de frota corresponde ao levantamento e aplicação adequada de todas as informações sobre as atividades dos veículos a serviço de uma empresa, sejam eles próprios ou alugados. 

Nesse sentido, é preciso reunir, organizar, planejar e administrar as necessidades e as despesas relacionadas não somente à frota, mas também aos colaboradores envolvidos.

Esse processo deve ser estabelecido não apenas em grandes empresas que lidam com numerosos veículos pesados, mas uma gestão de frota eficaz pode ajudar na organização interna de empresas de diversos portes e é muito provável que esse seja o caso da sua. 

Principais desafios da gestão de frota

Gerir uma frota, por menor que ela seja, não é uma tarefa simples. São muitas as informações a serem levantadas e os desafios são vários.

É preciso lidar de forma eficiente não só com as informações referentes aos veículos, mas também aos condutores, além de todas as atividades envolvidas.

Veja nos subtópicos seguintes os principais desafios relacionados à gestão de frota.

Disponibilidade e conservação dos veículos

Se estamos falando de frota, é óbvio que a primeira meta que vem à mente está relacionada a esses dois fatores: conservação e disponibilidade dos veículos. 

Mesmo assim, muitas empresas não dão a devida atenção a essas questões, talvez por elas serem muito desafiadoras.

Mas, para que a sua frota corporativa funcione plenamente e com segurança, os veículos precisam estar bem conservados e preparados para a utilização em qualquer momento.

Caso você não esteja tomando as atitudes necessárias para garantir isso, sua gestão de frota não está sendo eficiente.

Veículos mal conservados podem gerar prejuízos por conta das necessidades inesperadas de manutenção, além de outros problemas, como os atrasos, os condutores ociosos e os clientes insatisfeitos. 

Isso tudo sem falar nos danos para a imagem da sua marca, que podem ser irreversíveis. Portanto, não subestime a importância dos cuidados com a conservação da sua frota.

Algumas das tarefas relacionadas à garantia da disponibilidade e da conservação dos veículos são as seguintes:

Manutenção da segurança dos condutores

Segurança é um assunto amplo que precisa ser pensado em todos os seus aspectos dentro da gestão de frota. 

É preciso planejar a segurança da sua frota em termos de roubos, furtos, acidentes, além dos seguros dos próprios veículos

E se, ao ler o tópico anterior, você já percebeu que é muito complicado fazer uma gestão de frota manualmente, agora você vai entender também que, em termos de segurança, muito pouco pode ser feito se você não contar com alguns recursos tecnológicos.

Você precisa de equipamentos e sistemas para rastrear e monitorar os seus veículos. Assim, será possível tomar as atitudes devidas caso seja identificado algum problema.

Mas, além da tecnologia, pense também na orientação dos seus colaboradores. Os condutores devem receber treinamentos e incentivos que proporcionem uma boa conduta no trânsito. 

Por fim, cabe dizer que este desafio está totalmente atrelado ao anterior: para que a frota se movimente com segurança, a conservação e as manutenções preventivas dos veículos devem estar em dia. 

Controle de custos

Diminuir gastos é um objetivo de todo gestor e isso está totalmente relacionado à eficiência da sua gestão de frota. 

Uma gestão eficiente proporciona a redução de despesas, conquistada a partir dos cuidados com a manutenção, conservação, disponibilidade e segurança dos veículos.

Com as manutenções preventivas, por exemplo, você evita os gastos extras com as manutenções corretivas, que geram atrasos e deixam clientes insatisfeitos.

Os clientes insatisfeitos, por sua vez, podem formar e propagar uma opinião negativa sobre sua empresa, que gerará mais gastos para ser revertida.

Outro aspecto a ser pensado com relação ao controle de custos dentro de uma estratégia de gestão de frota, é o monitoramento das multas de trânsito.

É claro que elas vão existir, principalmente quando os motoristas trafegam por estradas e cidades que ainda não conhecem bem.

Mas é possível preveni-las ou reduzi-las a partir do treinamento e da orientação dos seus colaboradores.

Você também pode acompanhar o comportamento dos condutores e a incidência de multas aplicadas a cada um deles.

Outra estratégia que pode ajudar na redução de custos é o fechamento de contratos de exclusividade com postos de combustível, já que a variação nos preços pode prejudicar bastante as suas finanças. 

Para tudo isso, é preciso contar com uma equipe qualificada e eficiente, além de sistemas que otimizem o seu controle de custos.  

Acompanhamento de resultados

Além de promover uma gestão de frota que priorize a segurança, a redução de custos, a disponibilidade e a conservação dos veículos, é preciso medir e utilizar de forma inteligente os dados referentes aos resultados de todas essas atitudes

O gestor deve centralizar as informações de modo a poder relacioná-las e entender quais procedimentos estão sendo eficazes e quais precisam de melhorias

Nesse contexto, o monitoramento de indicadores se torna essencial. E não estamos falando apenas de indicadores simples como o consumo médio de combustível, mas também de indicadores logísticos como o percentual de entregas atrasadas, o tempo em paradas não planejadas e o controle da ociosidade da frota.

Garantia da produtividade

O objetivo final da sua gestão de frota é realizar as entregas dentro do tempo estipulado e sem nenhum dano aos produtos.

Para isso, os condutores precisam estar motivados a realizarem um trabalho eficiente, desenvolvendo todo o seu potencial.

Além das orientações e treinamentos, é importante ouvir a equipe. Planeje reuniões ou algum espaço em que eles possam relatar problemas ocorridos e dar sugestões para a melhoria da gestão. 

Outro fator que pode te ajudar a garantir a produtividade é um eficiente planejamento de rotas. Não é interessante, por exemplo, escolher uma rota menor, mas passar por estradas em condições ruins. Isso pode reduzir a produtividade, ao invés de incentivá-la. 

Como fazer uma gestão de frota eficiente

Como você pôde perceber, uma gestão de frota eficaz não tem a ver apenas com a entrega das cargas. Há uma série de variáveis que precisam ser planejadas e organizadas.

Realizar cada uma dessas atividades manualmente, além de inviável, impossibilita muitos resultados favoráveis e te deixa suscetível aos erros constantes.

Além disso, existe a dificuldade em conseguir dados em tempo real e a demora para fazer atualização de planilhas, que tornam todo o processo muito mais lento. 

Quando se pensa na análise dos indicadores, é praticamente impossível monitorá-los a partir de planilhas não automatizadas.

É por isso que você deve utilizar um sistema de monitoramento de frota. Com ele, além de otimizar toda a sua gestão, você cria uma vantagem competitiva.

Investir nessa tecnologia não é apenas uma questão de segurança, mas sim um parâmetro para o desenvolvimento de uma logística inteligente e otimizada.

É por isso que você precisa conhecer a Movelytics, uma das melhores opções em monitoramento de frotas disponíveis no mercado.

Com a Movelytics, você aumenta a eficiência, a sustentabilidade e a segurança das suas operações, indo muito além do rastreamento por GPS.

Ela monitora a produtividade da sua frota, enviando dados em tempo real sobre retenção, deslocamento e trajetos.

Assim, você tem sempre em mãos os principais detalhes da operação, como a distância percorrida na rota, paradas e tempo em trajeto, além da localização em tempo real, o histórico do trajeto e o painel analítico dos veículos. Enfim, para conhecer a Movelytics e melhorar a sua gestão de frota, indo muito além do rastreamento, basta clicar aqui. Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *